Lista dos clubes amadores da Baixada Santista
 
 
Santos é tri da Libertadores  
Duelo entre Neymar e Messi  
Muricy mereceu o título  
Neymar faz história na Vila  
Neymar e Ganso até 2015  
Ver todas as notícias  
 
Renan Prates Renan Prates
Timão, na moral
 
Pepe

José Macia Pepe
Bombas de alegria

 

 
Ednilson Valia Ednilson Valia
Amor corintiano
 

Gustavo Grohmann

Gustavo Grohmann
Messi na Copa
 
global Coluna do Leitor
Homenagem ao Pelé
 
     
 
 
Ver todos os colaboradores
  Gigi

Carlos Alberto Mano Prieto - ( Gigi)

contato: carlosprieto@giginarede.com.br

   
Não tira o tubo
 

jo soares

 

A atual situação política brasileira me faz lembrar de um personagem criado por Jô Soares do seu programa "Viva o Gordo" em que o mesmo, “entubado” em um leito de hospital, ao ter conhecimento de uma dessas aberrações muito comuns na vida pública e inconformado pela notícia, esbravejava: “Me tira o tubo”.

Ironia que de certa forma conscientizava o povo brasileiro da absurda realidade daquilo que hoje, segundo os novos “moldes” da boa governabilidade, seria ato corriqueiro na vida pública.

No entanto, existe uma figura que deve ter tido o seu instante de brasilidade e revelou em prosa e versos este sórdido bastidor do mundo político.

Estando ele recentemente enfrentando problemas de saúde, é o porquê da razão do título dessa matéria, divergir daquele real revelado por Jô Soares.

Na realidade, a negatividade acrescentada ao título é pelo fato de que ele continue “vivo” para presenciar e se afirmar  dentro da sua declaração.

Os envolvidos e sua corja fazem de tudo para encobrir esses fatos incontestáveis declarados por este que assombrou uma nação toda num repente de lucidez, de honradez, se é que lhe cabem tais atributos.

Sendo ou não, não posso negar o quanto contribuiu para a conscientização de uma verdade até então desconhecida por muitos.

A partir daí, todo eleitor, pelo menos os mais esclarecidos, deverá ter noção do seu voto nas próximas eleições, e não só cumprir a sua obrigação de votar, mas sim, de futuramente acompanhar de perto o seu candidato eleito e saber fiscalizar e cobrar com dignidade o seu dever. (Parágrafo de um velho bla,bla,bla).

Abraços do Gigi

 

Clique aqui para visualizar todas as crônicas
www.giginarede.com.br - Todos os direitos reservados © 2009