Lista dos clubes amadores da Baixada Santista
 
 
Santos é tri da Libertadores  
Duelo entre Neymar e Messi  
Muricy mereceu o título  
Neymar faz história na Vila  
Neymar e Ganso até 2015  
Ver todas as notícias  
 
Renan Prates Renan Prates
Timão, na moral
 
Pepe

José Macia Pepe
Bombas de alegria

 

 
Ednilson Valia Ednilson Valia
Amor corintiano
 

Gustavo Grohmann

Gustavo Grohmann
Messi na Copa
 
global Coluna do Leitor
Homenagem ao Pelé
 
     
 
 
Ver todos os colaboradores
  Gustavo Grohmann Futebol

Gustavo Grohmann

Editor do site Milton Neves desde 2005. Passou pelas TVs Cultura e Record e pelo Diário do Grande ABC.

E-mail: gustavo@terceirotempo.com.br




  Nem tanto ao céu...
 
Arquivos

Bando de hipócritas
Toques rápidos
Respeito ao craque
A cereja do bolo
Nem tanto ao céu
O Fenômeno
Real Madrid
Torcida única
Fala sério Timão
Acabaram as férias
Pra que falar, Jr?
SP x Vitória
Prendam o agressor
Parabéns, Silas!
Holanda x Alemanha
Messi na Copa

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Onde estão os clamores dos indignados jornalistas para que o “teimoso” Dunga convoque o palmeirense Keirrison para a Seleção Brasileira?

Não que eu esteja defendendo nosso Capitão do Tetra, afinal tenho inúmeras restrições ao seu trabalho no comando de nosso selecionado. Mas quero dar um puxão de orelha, assim como fez o Fenômeno, na imprensa nacional, principalmente a esportiva.

Keirrison não passa por uma boa fase. Os chutes que antes batiam na trave e morriam no fundo das redes, hoje triscam a baliza e não entram. Os dribles, toques e lançamentos não estão tão certeiros como antes. E o sorriso do bom menino sul-mato-grossense deu lugar a um olhar de preocupação e ansiedade.

E daí? Todos nós sabemos que atacantes passam por fases boas e ruins, mesmo aqueles diferenciados. Principalmente os jovens. E vale lembrar que Keirrison tem apenas 20 anos.

Nós, da imprensa, temos que ter mais calma ao analisar esse ou aquele jogador. O tal “K9” (também não gosto desse tipo de apelido, mas isso fica pra depois) foi o artilheiro do Brasileirão do ano passado pelo Coritiba e chegou ao Verdão voando. Nenhum atacante na história do Palmeiras fez tantos gols logo nos primeiros jogos.

Obviamente que a boa fase do garoto merecia um reconhecimento, mas não um “clamor” da mídia esportiva praticamente impondo sua convocação para a seleção e criticando Dunga por não fazê-lo. Exagero!

Assim como é absurdo falar hoje que Keirrison foi só “fogo de palha” e que ele não é tão bom assim. Meu Deus! O menino tem só 20 anos! Quem consegue se destacar e se manter no topo em sua área de atuação aos 20 anos de idade? Médico, economista, advogado, dentista, publicitário, empresário, psicólogo, jornalista? Ninguém, exceto os “gênios”. E gênio Keirrison não é. Pelo menos pra mim.

Então vamos com calma, senhores. Vamos dar tempo pro garoto mostrar que é um ótimo jogador e que poderá, mais pra frente e de maneira natural, vestir a camisa 9 da Seleção Brasileira.

Fale com o colunista: gustavo@terceirotempo.com.br

 
www.giginarede.com.br - Todos os direitos reservados © 2009