Lista dos clubes amadores da Baixada Santista
 
 
Santos é tri da Libertadores  
Duelo entre Neymar e Messi  
Muricy mereceu o título  
Neymar faz história na Vila  
Neymar e Ganso até 2015  
Ver todas as notícias  
 
Renan Prates Renan Prates
Timão, na moral
 
Pepe

José Macia Pepe
Bombas de alegria

 

 
Ednilson Valia Ednilson Valia
Amor corintiano
 

Gustavo Grohmann

Gustavo Grohmann
Messi na Copa
 
global Coluna do Leitor
Homenagem ao Pelé
 
     
 
 
Ver todos os colaboradores
  Renan Prates Futebol

Renan Prates

Jornalista formado pela Universidade Metodista. Foi Assessor de Imprensa da Secretaria de Segurança Pública - Conseg; redator de esportes e Estilo de Vida do Terra Networks, e, atualmente, trabalha como redator e reporter esportivo do UOL - Universo Online

E-mail: renan_prates@hotmail.com

  Caso Oscar: São Paulo mostra que é farinha do mesmo saco
 
Arquivos

Vovôs dominam...
Ano complicado...
Falei que o início...
Caso Palmeiras
Minha seleção
Cuidado torcedor
Favoritos da bola
Sou mais o Santos...
Caso Oscar
Santos e Palmeiras Santos x Palmeiras Timão x SPFC
Clubes investem... Ronaldo 2010
Messi e a Copa
Respeito ao Peixe
Flu e o patrocínio
Guerra na Vila
O tetra do SPFC
Parada da Copa
Hexa da seleção
Palmeiras na frente
Parabéns, Timão
Peixe se complica
Timão, na moral

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Amigos, bom dia!

Venho aqui neste espaço que é me dado proferir os meus "pitacos" em relação ao caso envolvendo o São Paulo e os três jovens que querem deixar o clube: o meia-atacante Oscar, o lateral-esquerdo Diogo e o garoto da base Lucas Piazon.

Penso que, sem entrar nos meandros e nos detalhes desta espinhosa questão, o caso que vem a tona prova somente uma coisa: o tão moderno São Paulo mostra que, no frigir dos ovos, é "farinha do mesmo saco" que envolve também os outros times do Brasil.

Outro dia ouvi, inclusive, uma definição de uma pessoa ligada ao futebol que acho válida e vou colocar aqui para vocês pensarem sobre o assunto. “O São Paulo não é nada diferente de outros clubes. O que acontecia era que antes eles usavam luva. Agora eles estão deixando rastros”.

Ou seja, independente de qual for a decisão da Justiça sobre os três casos, independente de dar ganho de causa ao São Paulo ou aos garotos, uma coisa já está bem clara, e foi até assumida pela diretoria são-paulina: há problemas sérios na base do clube em Cotia, e que precisam ser resolvidos o quanto antes.

Não tem cabimento o clube pedir a emancipação de 22 jovens! Se o Oscar ganhar o direito de ficar livre do São Paulo na Justiça, será aberto um precedente para que todos esses jovens tentem o mesmo. Imaginaram como ficará a base tricolor se isso acontecer? Ainda mais se tratando desta safra que fez uma boa campanha na Copa São Paulo deste ano.

É importante que a diretoria do São Paulo tenha humildade de reconhecer os seus erros e sair do pedestal e tirar a alcunha de "pilar da modernização" que lhe era dada. Apesar de que, sempre é bom lembrar, ninguém é santinho nesta história dos meninos da base.

Fale com o colunista: renan_prates@hotmail.com

 
www.giginarede.com.br - Todos os direitos reservados © 2009